Sabemos como é difícil escolher um vinho que vai nos agradar, existem vários tipos de uvas e família de vinhos diferentes e com tantas opções ficamos perdidos na hora de escolher um rótulo para uma ocasião especial.

Para quem está iniciando nesse universo de apreciar bons vinhos ainda não sabe identificar algumas diferenças que existem entre os eles e quais características cabem melhor com sua personalidade e ocasião.

Pensando nisso, preparamos este tutorial para te ajudar a fazer a escolha certa e apreciar as sensações que cada garrafa traz.

Escolha o Vinho a partir das Famílias de vinhos

Vinho

Diferentes tipos de vinhos, vinho branco, vinho tinto, vinho rose, espumante, vinho de sobremesa.

Espumantes

São vinhos que contêm gás incorporado no líquido (podem ser brancos, rosés ou tintos).

Exemplos: Espumantes em geral, Champagne, Cava, Prosecco, Franciacorta, Sekt, entre outros.

Vinhos Brancos

São vinhos sem amadurecimento em barris de carvalho, por isso apresentam um sabor mais frutado e com uma cor mais dourada. Combinam bastante com clima tropical e é indicado consumir gelado.

  • Vinhos Brancos Leve: Sauvignon Blanc, Vermentino, Chenin Blanc, Riesling, Silvaner, Pinot Gris (Pinot Grigio), e denominações como Muscadet, Soave e Vinho Verde.
  • Vinhos Brancos e Aromáticos: Elaborados a partir de variedades muito aromáticas. Gewürztraminer, Moscatel (ou Muscat, Moscato, Zibibbo), Torrontés (Argentina).
  • Vinhos Brancos Encorpados: Chardonnay, Sauvignon Blanc (c/ estágio em carvalho), Sémillon, Viognier, Grenache Blanc, Marsanne, Roussanne, brancos de Rioja (Espanha), Douro e Alentejo (Portugal).

Vinhos Rosés

O vinho rosé é produzido a partir de uvas de diferentes tonalidades e sua coloração mais rosa é devido a exclusão da casca da uva no decorrer da sua produção.

Existem três tipos de vinhos rosés, com cor mais clara e cor mais escura, a coloração varia conforme a uva e a localização.

  • Vinhos Rosés Leves: possui cor mais clara. Típicos da Provence (França) e outras regiões.
  • Vinhos Rosés de Médio Corpo: possui cor mais escura. Das mais diversas regiões e uvas tintas.

Vinhos Tintos

Podem ter sido ou não amadurecidos em barris de carvalho e são produzidos por meio da fermentação do suco, ou mosto, extraído de uvas tintas. São vinhos com mais Taninos e também é o tipo de vinho mais conhecido e apreciado no Brasil.

  • Vinhos Tintos Leves: sem ou com breve amadurecimento em barris de carvalho. Gamay, Pinot Noir, Barbera, Dolcetto, Grignolino, Braccheto e denominações como Beaujolais, Bardolino, Valpolicella, Chianti, vinhos do novo mundo de categoria de “entrada” de uvas diversas
  • Vinhos Tintos de Médio corpo: Cabernet Franc, Carignan, Grenache, Merlot, Carménère, Mencía, Sangiovese (Brunello, Morelino), Montepulciano, Negroamaro, Primitivo (Zinfandel), e denominações como Valpolicella Superiore, Chianti Classico, Côtes-du-Rhône / GSM, Tejo, Lisboa, Dão.
  • Vinhos Tintos Encorpados: podem ser ou não amadurecidos em carvalho (às vezes por longos períodos). Aglianico, Nero d’Avola, Nebbiolo, Cabernet Sauvignon, Malbec, Mourvèdre, Syrah, Petit Verdot, Pinotage, Tempranillo, Tannat e denominações como Bordeaux, Hermitage, Côte-Rotie, Madiran, Barolo, Barbaresco, Douro e Alentejo (Portugal), Ribera del Duero (Espanha).

Vinhos de Sobremesa (doces)

Têm doçura intensa pois são elaborados a partir de uvas super maduras, que ficam no pé por mais tempo que o necessário, devido a isso também possuem maior teor alcoólico.

Exemplos: Vinhos ou espumantes da variedade Moscatel, brancos de Colheita Tardia (Late Harvest), Passito e Vin Santo (Itália), e denominações como Sauternes, Tokaj, Porto, Madeira, Marsala.

Escolha o Vinho conforme suas preferências

Agora que você já aprendeu algumas caracteriscas básicas dos vinhos, é hora de aprender a escolher conforme sua personalidade

Gosta de Taninos?

  • Sim: Tintos de médio corpo, tintos encorpados de regiões de clima mais frio.
  • Não: Espumantes brancos ou rosés, vinhos brancos e rosés, tintos leves de regiões de clima quente.

Gosta de vinhos com acidez Alta ou Baixa?

  • Acidez Alta: Espumantes (Brut, Extra-Brut e Nature), brancos leves, tinto das uvas Pinot Noir, Barbera, Cabernet Franc, Carignan, Sangiovese, Montepulciano, Nebbiolo e de regiões de clima frio. 
  • Acidez Baixa: Espumante demi-sec ou doce, brancos aromáticos, brancos encorpados, tintos das uvas Merlot, Carménère, Cabernet Sauvignon, Primitivo (Zinfandel), Tempranillo, Dolcetto, Syrah, Grenache e de regiões de clima mais quente.

Gosta de vinhos Jovens ou Envelhecidos?

  • Jovens: Vinhos com aromas e sabores frutados ou florais, e/ou de coco, chocolate, café etc.Garrafas com no máximo 5 anos passados após a safra, e preferencialmente com até 2 ou 3 anos pós-safra (sem estágio em barris de carvalho).
  • Envelhecidos: Envelhecidos, vinhos com aromas e sabores de frutas secas, couro, balsâmicos, de cogumelos ou químicos. Nem todo vinho ao envelhecer desenvolve essas características, a maioria simplesmente estraga. Tente com vinhos acima de 4 ou 5 anos passados da safra, ou vinhos de guarda de safras mais antigas.

Gosta de teor alcoólico alto ou baixo?

  • Teor alto: Espumantes brancos e rosés, vinhos brancos, rosés e tintos de regiões de clima mais quente.
  • Teor Baixo: Espumantes brancos e rosés, vinhos brancos, rosés e tintos de regiões de clima mais frio.

Escolha o Vinho conforme a ocasião

Para momentos a dois

Em momentos a dois, recomendamos os vinhos tintos leves, vinhos rosés leves, vinho branco e espumantes.

Porém se tiver um clima mais quente, o mais ideal é um vinho branco, rosé ou espumante.

Por outro lado, se for um jantar a dois e você não sabe qual será o prato servido, o mais recomendado é o vinho tinto leve. 

Entretanto, se você sabe qual vai ser o prato, confira aqui nosso post sobre harmonizações.

Melhor vinho para presentear alguém

Agora se sua intenção é dar um vinho de presente e você conhece um pouco sobre a personalidade da pessoa que quer presentear, escolha de acordo com as preferências pessoais. Caso você não conheça bem a pessoa, recomendamos vinhos tintos leves ou vinhos tinto de médio corpo.

Para um jantar

Por fim, se a sua necessidade é escolher vinho para um jantar especial e você já sabe qual prato será servido, confira nosso post sobre harmonização de vinhos.

Caso você não saiba qual prato será servido, recomendamos o vinho tinto leve, pois é um vinho coringa e mais querido entre os brasileiros.

Finalmente, se você aprendeu a escolher o vinho que mais combina com você, assine nossa newsletter e aprenda muito mais sobre o mundo das bebidas e do Home Bar.

Related Posts